Olá! Eu sou o Leonardo Ribeiro, fundador da Escola Vegana, tudo bem?

Eu estou aqui porque eu realmente acredito que o veganismo tem o poder de fazer do mundo um lugar melhor.
Imagine um portal, onde estivessem disponíveis cursos completos de nutrição vegetariana, feitos por nutricionistas especializados. Para você melhorar a sua nutrição e qualidade de vida!
Imagine um portal onde estivessem disponíveis vídeos de receitas, das mais simples às mais sofisticadas, feito por chefs ou chefs nutricionistas. Assim você vai ter as ferramentas necessárias para explorar a sua criatividade na cozinha.
Imagine, toda semana você receber um cardápio com 5 sugestões de pratos, desenvolvidos por nutricionistas, desenvolvidos por nutricionistas, já com valor nutricional e lista de mercado com os preços aproximados. Você não vai mais precisar perder horas da sua semana pensando em que comida fazer e procurando receitas na internet.
Imagine um portal onde você vai aprender com especialistas Tudo sobre testes em animais e sobre vegetarianismo e meio ambiente. Sendo um cidadão consciente no que se refere ao Veganismo e podendo disseminar a nossa ideologia com segurança!
Por que eu fundei a Escola Vegana? Eu virei vegetariano no dia 16/09/2010. Eu lembro que eu tinha assistido a um programa do SBT que falava de maus tratos de animais. Como a maioria das pessoas, eu nunca havia dado a atenção necessária a esse assunto antes. Mas de alguma forma esse programa me chamou a atenção. Eu lembro de uma parte em que uma menina na Bósnia jogava filhotinhos de cachorros num rio, aquilo me chocou muito. Logo depois o programa eu resolvi pesquisar sobre maus tratos de animais na internet e encontrei alguns vídeos. Foi aí que eu conheci o que era vegetarianismo e veganismo, esse segundo eu nunca tinha ouvido falar. Eu encontrei um documentário chamado Terráqueos, e já antes de dar play eu sabia que se assistisse ao documentário eu nunca mais iria conseguir comer os animais de novo.
E foi o que aconteceu.
No dia seguinte eu já acordei vegetariano. Mas logo as perguntas vieram:
O que eu vou comer agora?
Será que vou ficar desnutrido?
Onde posso conseguir ajuda?
Será que é saudável não comer carne?
Será que para nós humanos termos qualidade de vida, nós necessitamos explorar os animais?
Era muito difícil encontrar informações sobre o assunto. Principalmente informações confiáveis. Com o tempo eu fui sanando essas dúvidas.
Mas o mais interessante é que as dúvidas que tive naquela época não são muito diferentes das dúvidas e desafios que muitas pessoas tem hoje.
Eu mandei uma pesquisa recentemente e segundo a resposta de mais de 450 pessoas as maiores dúvidas e desafios são:
Como eu posso obter fontes confiáveis de B12?
Como substituir a proteína da carne?
Como ter uma alimentação balanceada?
Quais são os nutrientes essenciais que meu corpo precisa e onde posso encontrá-los?
Como eu posso substituir ovos e leite nas receitas?
Soja faz mal?
Como se alimentar com qualidade sem perder muito tempo na cozinha?
Se não tomar leite com o tempo eu vou ter osteoporose?
É realmente necessário fazer testes em animais para termos remédios e outros produtos de qualidade?
A dieta vegetariana é suficiente durante a infância e adolescência quando a demanda de nutriente é maior?
Onde encontrar receitas variadas e realmente nutritivas?
Eu consigo ficar sem carne mesmo sendo atleta?
Se você foi uma das pessoas que responderam essa pesquisa, muito obrigado. Fez uma diferença muito grande para gente. E eu tenho 2 boas notícias para você:
Primeira: Você não está sozinho com as suas dúvidas e desafios. Isso é uma boa notícia.
Segunda: É que existem profissionais capacitados que juntos podem responder todas essas questões e te ajudar a ultrapassar todas essas barreiras.
E foi por isso que eu montei a Escola Vegana, eu reuni esses profissionais. Como eu disse antes, acredito que o veganismo pode fazer do mundo um lugar melhor. Um lugar melhor para os animais, para as pessoas e para a natureza. E acredito também que a melhor forma de disseminar o veganismo é através da informação. Da informação de qualidade.